Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

o Homem Certo

O boca de Trapo

Questionou-me sobre vários assuntos amorosos. Eu evadi-me e nem disse que sim nem que não.

Indignado e ofendido disse-me: Eu conto-te tanta coisa, partilho tanto contigo e tu és incapaz de partilhar alguma coisa comigo?

Eu fingi que não ouvi e fui à minha vida.

Apetecia-a me dizer tenho três palavras para ti: BOCA DE TRAPO. E acrescentar tu não consegues guardar nada para ti, nem tuas nem de ninguém. E ainda: Eu sou teu colega não sou teu amigo.

 

Fiquei-me pelo encolher de ombros.

10 comentários

Comentar post