Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

o Homem Certo

No Trabalho

Ligou-me a colega para a minha estação, o Bigodes queria falar comigo.

Pensei, humm que será? Não temos nenhum assunto pendente.

Uma colega ainda disse prepara-te que vais ouvir.

Pensei, hum , não tem nada para ralhar, confiante.

Cheguei à sua sala.

E ouvi um raspanete porque dei o numero pessoal dele, e não posso, em momento algum dar o numero e ele paga-me para não ter contacto com as pessoas e quando não conseguir resolver sozinho converso com ele e resolvemos, nunca o cliente fala directo com ele.

Ainda disse: Mas eu não dei.

Mas o Homem disse que tinha falado contigo e que tu tinhas dado. - Disse o Bigodes já bruto - Apanhou-me, cabrão, ainda era para explicar que tinha dado há mais dum ano, resumindo eu já estava farto do Homem e dei-lhe o numero directo e ficou resolvido.

E pronto. Acabei com: Tem razão Sr.. Bigodes, sim Bigodes, certíssimo, sim, com certeza.

E é tudo, era só isto.

E lá fui eu a minha a vida. Ainda pensei vou por um anuncio na net com o teu numero. Mas passou-me, o Bigodes tinha razão.

11 comentários

Comentar post